Atualmente, as lentes de contato são uma opção utilizada por muita gente que foge dos óculos de grau – seja porque não gostam ou porque precisam de uma segunda alternativa a eles. De acordo com a Sociedade Brasileira de Lentes de Contato, Córnea e Refratometria (SOBLEC), aproximadamente 2,5 milhões de pessoas usam lentes no país.

Mas, apenas o uso das lentes não garante a qualidade da visão. Isso porque é preciso adotar cuidados básicos, como limpeza e manutenção diária, para evitar problemas ainda mais sérios nos olhos, como infecções e doenças.

Por isso, aprenda neste post como fazer a limpeza das lentes de contato e do estojo, além de dicas sobre como escolher a solução e quando trocar as lentes.

 

 

Limpeza das lentes de contato – passo a passo

 

  1. Antes de tudo, lave muito bem as mãos. Dê preferência pelo sabão, mas também pode usar sabonete antibacteriano. Atenção: sabonetes feitos com outros materiais, como óleos, podem deixar resquícios na mão que mancham as lentes.
  1. Em seguida, seque as mãos. Atenção: observe se não sobrou nenhum fiapo da toalha em suas mãos. Isso pode infectar as lentes.
  1. Agora vamos para a limpeza das lentes de contato. Evite usar água, saliva ou soro fisiológico. A higienização deve ser feita com as soluções próprias indicadas para cada tipo de lente e prazo de validade.
  1. Dica: lembre-se sempre de colocar a redinha sob o ralo para evitar acidentes, como derrubar a lente e perdê-la.
  1. Logo depois, pingue algumas gotas da solução em ambos os lados da lente e a esfregue levemente entre os dedos. Isso elimina os resíduos da superfície. Atenção: cuidado com as unhas.
  1. Dica 2: sempre comece pelo mesmo olho, esquerdo ou direito. Isso porque evita-se recolocar a lente no olho errado, caso haja prescrições diferentes para cada um.
  1. Depois disso, lave as lentes com a solução.
  1. Sempre troque a solução presente no estojo todas as vezes que guardar as lentes.

Limpeza do estojo – passo a passo

 

  1. Em primeiro lugar, jogue fora a solução atual presente no estojo após recolocar as lentes de contato nos olhos.
  1. Em seguida, lave e esfregue, com as próprias mãos, o estojo com uma porção nova de solução.
  1. Logo após, deixe-o aberto para secar com o ar.
  1. Dica: não deixe o estojo em locais úmidos ou no banheiro para evitar contaminações.
  1. Dica 2: lembre-se de trocar o estojo a cada 3 meses ou no período indicado pelo oftalmologista.

 

Solução – dicas

 

  1. Siga a recomendação do seu oftalmologista em relação à solução certa para a limpeza das lentes de contato, já que existem opções para cada tipo de lente e prazo de validade.
  1. Não higienize sua lente com água, saliva ou soro fisiológico, pois essas alternativas não conseguem eliminar totalmente os riscos de contaminação e infecção.
  1. Não retire a solução de limpeza de lentes de contato do frasco original para outros recipientes, pois pode contaminá-la.
  1. Lembre-se sempre de manter o frasco bem fechado.

 

Troca das lentes

 

Agora, muita atenção para essa dica fundamental: nunca, jamais, em hipótese alguma use as suas lentes de contato fora do prazo de validade. Insistir em utilizar o produto já vencido pode trazer danos sérios para os olhos e visão, inclusive em longo prazo.

Então, siga as instruções do oftalmologista e do produto e faça a troca das lentes de contato corretamente.

 

Conclusão

 

Por último, siga as orientações do seu médico e as instruções que acompanham as lentes e a solução para uma limpeza das lentes de contato correta. A higienização adequada das lentes é essencial para manter os olhos e a visão saudáveis.

 

Acompanhe as novidades do nosso blog. Assine a newsletter.

 

Inscreva-se